Você virou pra mim, riu alto e disse que eu era a melhor coisa que tinha acontecido na sua vida todinha. E eu pensei na hora: puta que pariu, a gente precisa de umas mentiras sinceras dessas na vida pra poder continuar.
Vinícius Kretek.     (via n-o-v-o-h-e-r-o-i)
Posted 18 Abril 2014, Há 6 horas | 49.190 notas | reblog this post
(originally harrybreakslouis / via smirnofyyy)

vc sai da putaria, mas a putaria nunca sai de vc

Posted 18 Abril 2014, Há 6 horas | 10.722 notas | reblog this post
(originally sextramps / via encontreiomeuamor)

Tenho vergonha até de manter contato visual

Posted 18 Abril 2014, Há 6 horas | 8.648 notas | reblog this post
(originally cao-dorgado / via encontreiomeuamor)
Não vou correr atrás de você, e muito menos correr de você. To aqui, no mesmo lugar, você sabe o caminho.
Soulstripper   (via deflagrado)
Posted 18 Abril 2014, Há 6 horas | 31.674 notas | reblog this post
(originally apocalyptic-o / via impercebida)
E se a carapuça serviu, normal…
Crianças sempre levam tudo pro lado pessoal.
Filipe Ret (via impercebida)
Posted 18 Abril 2014, Há 6 horas | 53 notas | reblog this post
(originally serenizado / via impercebida)

O único que poderia me julgar, veio ao mundo para me salvar.

Posted 18 Abril 2014, Há 6 horas | 6.428 notas | reblog this post
(originally jesuscristomudoumeuviver / via impercebida)
Posted 18 Abril 2014, Há 6 horas | 4.734 notas | reblog this post
(originally quero-sentir-voce / via impercebida)

respira fundo pequena, chora não..

Posted 18 Abril 2014, Há 6 horas | 270 notas | reblog this post
(originally wilddsex / via encontreiomeuamor)

Aquele momento em que você não sabe se a pessoa escreveu errado de propósito ou não sabe escrever.

Posted 18 Abril 2014, Há 6 horas | 754 notas | reblog this post
(originally verbo-to-be / via encontreiomeuamor)
Eu amo as pessoas que me fazem rir. Sinceramente, acho que é a coisa que eu mais gosto, rir. Cura uma infinidade de males. É provavelmente a coisa mais importante em uma pessoa.
Audrey Hepburn. (via promisse)
Posted 18 Abril 2014, Há 8 horas | 157.570 notas | reblog this post
(originally deisenunes / via teus0l-loiro)
Beatriz Santana
-

“Não puxo saco de ninguém, detesto que puxem meu saco também. Não faço amizades por conveniência, não sei rir se não estou achando graça. Odeio dois beijinhos, aperto de mão, tumulto, calor, gente burra e quem não sabe mentir direito.”
- Caio Fernando Abreu.
Viva, apenas isso!
Pra ser feliz, nada lhe é proibido ♪
theme por affectingyou; com detalhes de decepcionar, abismopoetico e desesperancoso.